Busca no Blog ou na Web

22 de fev de 2010

Resultados Relatório Brasil 2009

A seguir, apresentamos a síntese dos resultados consolidados do Estudo de Competitividade dos 65 Destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional – Relatório Brasil 2009, em sua dimensão Aspectos Culturais, cujas variáveis analisadas foram as seguintes: "produção cultural associada ao turismo"; "patrimônio histórico e cultural"; e "estrutura municipal para apoio à cultura".


Dimensão Aspectos Culturais

Nesta dimensão, a presença de órgãos da administração pública local responsáveis pela gestão cultural dos destinos, assim como a existência de políticas municipais de cultura e de projetos de implementação de turismo cultural, são alguns dos fatores que exerceram um impacto positivo na média final. Apesar disso, ainda são poucos os destinos que possuem programas de incentivo à utilização de pessoal local na manutenção ou na gestão dos bens culturais.

De acordo com o Relatório, a maior parcela dos destinos estudados ficou situada entre os níveis 3 (com 29 destinos) e 4 (com 23 destinos) – números semelhantes aos de 2008, quando havia um total de 29 destinos no nível intermediário, e 22 no nível 4. A menor colocação alcançada por 12 destinos foi o segundo nível, o mesmo número do ano anterior. Somente um destino conseguiu atingir o nível mais elevado (em 2008, dois destinos ficaram no nível 5). Em contrapartida, não foram observados destinos no nível mínimo da escala.

Além disso, a maioria dos destinos pesquisados obteve bons resultados nas questões avaliadas pela variável "produção cultural associada ao turismo". No entanto, o reconhecimento ou a comercialização internacional do artesanato, culinária típica e grupos artísticos de manifestação cultural ainda são aspectos a serem desenvolvidos pelos destinos.
A média nacional em 2009 alcançou 54,6 pontos, mesmo índice obtido na pesquisa anterior, situando-se no nível 3. As capitais, com média de 63,0 pontos, atingiram o quarto nível, superando as não capitais, com média de 48,7 pontos, situadas no terceiro nível. Na pesquisa anterior as capitais obtiveram média de 61,4 pontos, enquanto a média das não capitais foi de 49,8.
Em relação às médias regionais, apenas o Sudeste (média de 61,3 pontos) atingiu o nível 4, situando-se acima da média nacional. As regiões Centro-Oeste (54,6 pontos), Sul (54,2), Nordeste (52,9) e Norte (51,1) alcançaram o nível 3.

Fonte: Relatório Brasil 2009

Um comentário: