Busca no Blog ou na Web

30 de jul de 2010

Resultados Relatório Brasil 2009

Chegamos ao fim da apresentação dos resultados do Relatório Brasil 2009, com a dimensão Aspectos Sociais e suas seguintes variáveis: "Acesso à educação"; "Empregos gerados pelo turismo"; "Política de enfrentamento e prevenção à exploração sexual infanto-juvenil"; "Uso de atrativos e equipamentos turísticos pela população"; e "Cidadania, sensibilização e participação na atividade turística".


Dimensão Aspectos Sociais

Os fatores favoráveis relacionadaos à Dimensão Aspectos Sociais, identificados pelo Estudo de Competitividade, referem-se, sobretudo, ao uso dos atrativos e equipamentos turísticos por parte da população local e à realização de políticas de enfrentamento à exploração sexual de crianças e adolescentes por parcela ponderável dos destinos.

No entanto, é necessário que os destinos atentem para a importância de desenvolver políticas formais de sensibilização da comunidade sobre a importância da atividade turística, assim como também programas de conscientização do turista sobre como respeitar a comunidade local. Além disso, vale ressaltar que ainda são poucos os destinos onde há participação ativa da comunidade nas decisões relacionadas a projetos turísticos.

De acordo com os dados pesquisados, a média nacional nesta dimensão alcançou 57,4 pontos, situando-se no nível 3 e mantendo-se praticamente estável em relação à pesquisa anterior, quando a média foi de 57,2. A média das capitais, por sua vez, atingiu 63,1 pontos, equivalente ao nível 4, ao passo que as não capitais se posicionaram no nível 3, com média de 53,4. Em 2008, as capitais haviam atingido 62,3 de média, e as não capitais, 53,5 pontos.

Em relação às médias das regiões brasileiras, a maioria ficou situada no terceiro nível da escala, exceto o Sul e o Sudeste, que obtiveram médias de 61,0 e 60,6 pontos, respectivamente, atingindo o nível 4. As demais regiões obtiveram as seguintes médias: 59,0 pontos para a região Centro-Oeste; 55,0 para o Nordeste e; 54,5 para o Norte.























Como resultado da pesquisa, observa-se que uma grande parcela dos 65 destinos indutores está posicionada no nível 3, com 34 destinos. No nível 4 estão situados 28 destinos, enquanto que no nível 2 encontram-se apenas três destinos. No ano passado, o terceiro nível englobava 32 destinos e o quarto nível, 28. Na faixa imediatamente inferior (nível 2), a pesquisa identificou três destinos, dois a menos que no ano passado. Pode-se observar, portanto, que nenhum município estudado posicionou-se nos extremos da escala (níveis 1 e 5).

2 comentários:

  1. Excelente o teu espaço.
    Parabéns e obrigada pelas informações aqui postadas.
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  2. TAMBÉM GOSTEI MUITO. Parabens.

    ResponderExcluir